Precisa de ajuda com o seu projeto?

Fale com um de nossos especialistas em soluções corporativas

Treeplets: arquitetura ou arte?

novo_ambiente_fev16_babel_impromptu_04

A cidade de Macau, antiga colônia portuguesa na China com mais de 18 mil habitantes por metro quadrado, recebe uma instalação que é uma mistura de arquitetura com arte. Trata-se do pavilhão Treeplets, todo feito em bambu, que faz uma referência à raridade de trigêmeos e ao esplendor das árvores – por isso o nome num inglês bem-humorado! As “árvores” são unidas pelas copas, criando arcos que dão solidez estrutural à instalação.

O Treeplets, dos arquitetos João Ó e Rita Machado, foi o projeto vencedor escolhido pela organização cultural Babel, de Macau. Ao todo foram mais de 50 propostas enviadas para o concurso, de artistas de todo o mundo.

novo_ambiente_fev16_babel_impromptu_01

novo_ambiente_fev16_babel_impromptu_02

novo_ambiente_fev16_babel_impromptu_06

Os curadores Tiago Quadros e Margarida Saraiva – da Babel – e José Drummond – artista e curador – afirmam que a seleção foi baseada na ideia de projetos ao mesmo tempo contemporâneos e futurísticos. E o pavilhão de bambu é a representação dessa ideia, onde conhecimento e técnicas tradicionais são usadas pra criar novas formas, onde o espaço público é lugar de expressão artística e a arquitetura mais sustentável.

Para a instalação, os arquitetos utilizaram o bambu como se fosse um andaime, uma técnica que até hoje é utilizada, onde andaimes de bambu são utilizados como suporte nos canteiros de obra. A técnica, introduzida na indústria da construção logo após o fim do período de colônia, faz com que a população local se identifique emocionalmente, além de ser uma excelente matéria prima.

Comentários

comentários